Últimos Vídeos
Continua...

Parte 3: A verdade

Aqui, é você quem escreve comigo. Vote e a história Continua…

continua
O clima foi esquentando, eu sei. Estávamos no mesmo quarto que, quando éramos só amigos, abrigava as nossas inacabáveis tardes juntos estudando física. Era engraçado que a decoração de 8 anos atrás, cheia de bolas de futebol, já não tinha mais nada a ver com o Bruno de hoje. A cama de solteiro foi ficando grande para nós dois. Meu corpo estava completamente colado no dele.

Lembro-me de olhar o relógio do celular e ver que faltavam poucos minutos para dar meia noite e a segunda-feira chegar.

“Bruno, chega! Preciso ir!”

“Bruno, sério, para!”

“Bruno NÃO!”

Essa última frase acordou a mãe dele. Graças a Deus!
Quase não tivemos tempo de nos despedir. Na hora achei que tinha sido melhor assim, mas a mensagem que recebi no WhatsApp segundos depois me fez mudar de opinião rapidinho.

Nosssss, qual eh a sua, Chris? Minha mãe ficou muito brava e disse que vc naum vai mais poder vir aqui. Se bem que vc deve estar de boa com isso jah que eh uma criança mesmo e naum decide logo o que quer.

Eu sei bem o que eu quero, Bruno.  Mas também sei que não quero que a minha primeira vez aconteça no seu quarto cheio de bolas de futebol, bem ao lado do quarto em que seus pais estão dormindo. Criança, eu?

Digitei, mas apaguei segundos depois e resolvi não responder. Afinal, apesar de tudo aquilo ser uma grande verdade, também havia mais um detalhe. Eu tinha muito medo de acabar como a minha melhor amiga. Angustiada e com a menstruação atrasada!
Cheguei em casa depois de alguns minutos caminhando, coloquei a garrafinha de água em cima do meu criado mudo e fechei os olhos. Na segunda eu acabaria de vez com as dúvidas da Ca. E foi por isso que aproveitei que não estava com a menor vontade de ver o Bruno, matei todas as aulas para ficar na biblioteca da esquina lendo e, antes de minha mãe passar pra me buscar, comprei o teste de gravidez na farmácia ao lado da escola.

Eu precisava ser forte para ajudar a minha melhor amiga.

Juntas, 5 minutos depois de abrir a porta de casa para que ela entrasse e dizer para minha mãe que ficaríamos no meu quarto ouvindo música, estávamos trancadas dentro do banheiro.

Duas linhas na vertical. O resultado era positivo.

“Minha vida acabou!”, foi só  o que ouvi a Ca dizer.

E nesse momento, a porta do banheiro se abre e revela o que nem eu e nem ela estávamos esperando!

Carregando ... Carregando ...

Leia também:
Parte 1 – O sinal
Parte 2 – O resultado

18 Comentários
Comentários

  1. Luana Filgueira • 20 de setembro de 2013 • 15:05

    To amando a história e esperando ansiosa a próxima parte. Espero que dessa história sai um livro rsrs…

  2. Renata • 20 de setembro de 2013 • 17:15

    Ai que raiva desses meninos que digitam tudo errado! Hhahaha

  3. Érika Marques • 20 de setembro de 2013 • 19:29

    Fiquei mais ansiosa depois que vi a porcentagem da votação hehe. Quero ler o próximo logo.

  4. Emanuelle • 20 de setembro de 2013 • 23:24

    Karol tá demaissss! Muito boa a história.. e super real, os meninos escrevendo errado e as meninas tudo certinho hahahaha. Parabéns! <3

  5. Camille Alves • 21 de setembro de 2013 • 00:39

    Finalmente mais um capítulo, mas continuo ansiosa por mais, que história viciante, você escreve muito bem Ka.

  6. Jenifer • 21 de setembro de 2013 • 01:56

    Vai dar duas horas da manha mais eu naum deixo de ver o blog um diia rsrs, essa historia ta ficando muiiito boa ja to contando que vai sair um livro daí em! hahaha’

  7. Gih Poloni • 21 de setembro de 2013 • 18:48

    Karol,gostaria de pedir que vocês lembrassem aos leitores da Capricho sobre a Carol Cabrino,que já saiu na Capricho em 2009. Obrigada.

  8. Júlia Groppo • 23 de setembro de 2013 • 21:00

    Karol, to amando seu blog! ja te acompanhava no ”karol com k” na capricho e agora mais ainda neste aqui! e o principal: o fato de vc postar quase todos os dias me anima! hahaha confesso que fico #chatiada quando as blogueiras demoram pra postar coisas novas porque eu to sempre afim de ler uma coisa diferente no meu dia a dia rs Vou prestar jornalismo esse ano e aqui vai um segredo: você é uma das minhas inspirações! hahaha seria legal se você pudesse postar mais coisas e detalhes sobre sua profissão!!! sucesso sempre e super beijo :D

  9. Francine Soares • 26 de setembro de 2013 • 19:00

    Meu Deus! To louca para ler a próxima parte! Seu blog ta demais Karol!
    Bjss