Últimos Vídeos
Pets

Meu melhor amigo é o Pitty!

Muita gente não entende esse amor por bichinhos de estimação. A real é que, pra mim, só quem tem ou já teve um sabe reconhecer o valor dessa amizade.

Ganhei o Pitty quando fiz 14 anos. Isso, no dia exato do meu aniversário. Estava na casa de uma amiga fazendo um trabalho da escola e, quando meus pais foram me buscar, pediram para que eu olhasse o meu presente. Ele estava no chão do banco de trás do carro. Quando vi aquela coisinha tão pequena, comecei a chorar. O meu sonho de ter um cachorrinho tinha se tornado realidade.

Ele mudou as nossas vidas. De verdade mesmo. Apesar de ser meio bravinho, o Pitty sempre foi do tipo que não pode ver ninguém chorando: ele dá um jeito de fazer uma gracinha para a tristeza passar. Ahhh, outra coisa incrível é o modo como ele acordava eu e meu irmão: com o Rafa (meu irmão), mordidinhas no pé, comigo, lambidinhas nas mãos.

Há um ano, tivemos que nos separar. Eu resolvi que era hora de crescer e fui morar sozinha. Nem preciso dizer o quanto foi difícil, né?! Cheguei a pensar que ele não me reconheceria quando eu fosse visitar meus pais. Que bobagem! Cinco segundos é o tempo que leva entre ele ouvir o barulho da campainha e aparecer na porta desesperado de felicidade.

Por que deste post? Esses dias estava pensando na quantidade de coisas que já passamos juntos e só então a ficha caiu: estamos ficando velhos. Ele e eu. Mas quer saber? Tudo bem! Agora sei que não importa quanto tempo passar, uma coisa é certa: jamais esqueceremos um do outro.

pitty1pitty2

23 Comentários
Comentários

  1. Deborah Mattoso • 12 de outubro de 2013 • 12:49

    Ai me deu uma saudade enorme do meu cachorro o Rick ele está no MS e eu aqui no AM… mês retrasado fui visitar meus pais e foi muito fofo meu reencontro com ele… primeiro ele ficou olha para mim “tipo é você mesmo???”, não demorou 5 minutos ele já começou a pular em cima de mim e depois me derrubou no chão, foi muito fofo… atualmente meus bichos de estimação são macaquinhos que também são extremamente fofos!!!!

    • Resposta da Karol Pinheiro • 14 de outubro de 2013 • 15:49

      Oi?? Macaquinhos como assimmmmmmm? Hahahah que diferente!

      • Deborah Mattoso • 14 de outubro de 2013 • 22:45

        Sim macaco… tenho o “bento” e a “LOLA”, eles vivem solto na aldeia, e sempre aparecem aqui na minha casa (moro em uma aldeia)!!!!

  2. Bruu • 12 de outubro de 2013 • 16:18

    tenho duas, uma poodle garnde do pelo liso, que se chama Liza e uma maltes que se chama Pitty(mas é femea) sauhsuah

  3. Ana • 12 de outubro de 2013 • 17:42

    Karooool, quase chorei lendo esse texto! :( seu cachorrinho é um lindo!

  4. Lidiane Moura • 13 de outubro de 2013 • 06:07

    Que lindo seu cachorro ka, eu tinha um, mas eu era muito pequena e ele morreu.Hoje em dia sempre que vejo um cachorro me dá vontade de ter um!
    Muito lindinho seu cachorro!

  5. Júlia Capuzzo • 14 de outubro de 2013 • 15:00

    Que fofura seu cãozinho, Karol!
    Também tenho um bichinho, é uma fêmea da raça Shih Tzu que se chama Cindy. Eu sou apaixonada por ela, é um amor sem explicação mesmo! Meus pais nunca gostaram de cachorros em casa, mas eu sempre quis… quando ela chegou todos ficaram apaixonados, e agora não conseguimos mais pensar como seria sem ela, pois já faz parte da família!
    É tão bom quando chego do colégio, e mesmo que ela tenha ficado sozinha me recebe com muuuito carinho <3
    Aqui está um link com a foto dela…
    Beijos.

    https://www.facebook.com/photo.php?fbid=206238829548533&set=a.101116983394052.2435.100004872510376&type=1&theater

    • Resposta da Karol Pinheiro • 14 de outubro de 2013 • 15:52

      Haaaaaaaa que amor, Jú! É muito isso! Chegar em casa e receber aquele amor sincero não tem preço!

  6. Yasmin maria faria • 15 de outubro de 2013 • 21:51

    meu deus que lindoo

  7. Ane • 16 de outubro de 2013 • 12:41

    Que lindo!!!
    Eu amo essa raça demais. Tenho uma cadelinha linda chamada Luminha. Sinto um amor inexplicável por ela, até me emociono só de falar. É muito bom saber mais pessoas também tem tal sensibilidade por seres tão incríveis que só doam amor.

  8. Jéssica Cotrim • 17 de outubro de 2013 • 01:49

    Pode me chamar de boba, mas eu chorei com o post! Tenho uma cachorra da mesma raça do pitty e caramba, eu já fico pensando quando envelhecemos juntas :(.
    Amo o seu blog bj bj

  9. Amanda • 27 de maio de 2014 • 23:15

    Quanto amor, Karol. E é bem como tu disse, só quem teve ou tem um animal de estimação que vai reconhecer a amizade. E a fidelidade também.. Eu também fico pensando, se por um acaso eu sair de casa e a minha cadelinha não ir comigo, será que ela não vai se esquecer de mim? Haha mas, até mesmo quando eu vou viajar, daí quando eu chego parece que ela sente e já tá lá na porta balançando o rabo, hahahaha esses bichinhos são demais. Só vi esse post agora e ADOREI, beijinhos ♥

  10. Ítalo França • 25 de fevereiro de 2015 • 20:45

    O meu também tá ficando velhinho, mais pra mim ele continua o mesmo Apollo de sempre <3 com muito amor para dar e receber.*-*