Últimos Vídeos
Vida Real

Não é nada contra ela, mas…

Quando uma coisa parece tão, mas tão absurda que não dá pra acreditar nela mesmo quando está ali, na sua frente, é sinal de que precisamos falar sobre…

Mais um sábado a noite dedicado à assistir ao Miss Brasil. Vejam bem, eu faço isso junto com a minha mãe desde que era criança, ano após ano. Não, a coisa toda não mudou nem quando saí de casa: as ligações dela me lembrando que o concurso estava sendo transmitido na TV nunca me deixaram perder uma edição sequer. No ano passado, inclusive, essa fanfarrona chamada vida me colocou ali, ao vivo, para apresentar parte do show.

Eu confesso que com o tempo, o glamour foi perdendo espaço na minha cabeça para a falta de sentido em julgar mulheres pela aparência. O concurso é de beleza, eu sei, mas aprendi desde cedo que ser bonita de verdade exigia que eu fosse sempre eu mesma. Me revoltei, mas não podia perder a chance de curtir o programa mãe e filha. E lá estava eu, sábado dia 19 de Agosto de 2017, presenciando uma chuva de cabelos cacheados e peles negras dominando a tela da televisão. Ray Nicácio na apresentação, Raissa Santana passando a faixa de Miss Brasil 2016 para Monalysa Alcântara, que recebeu o título em 2017.

Parecia tudo bem óbvio pra mim: Lysa (meu apelido carinho pra nossa nova miss) foi a única candidata (e não estou exagerando quando digo única) entre as 27 concorrentes que já haviam passado por seleções regionais e estaduais para chegarem até ali, que não pareceu ter um discurso meio robótico decorado. A menina (ela tem 18 anos), respondeu o que foi perguntado de maneira firme com um discurso de empoderamento bem bonito de se ver. Ganhou!

Sabe, se a beleza é o tipo de coisa que dá pra ser avaliada levando em consideração conceitos e gostos pessoais, inteligência não! Opa, péra lá, não estou querendo dizer que as outras candidatas não tinham tal característica, mas em frente ao público, no meio de uma situação de tensão, foi ela quem brilhou e arrancou votos abertos dos jurados. Eu confesso: se saber se comunicar fazia parte das obrigações das concorrentes aquela noite, eu não votaria em mais ninguém que não nela.

Li vários comentários racistas nas redes sociais (que me limito a guardar apenas como parte lamentável das minhas memórias) e fiquei impressionada. Não dá pra acreditar que alguém (homem ou mulher, não importa) tenha tido coragem de escrever coisas tão cruéis e absurdas sobre uma outra pessoa. Pior ainda: alegar que não era nada pessoal, sabe?!

Podia não ser o melhor sorriso na opinião de alguns, a silhueta mais esbelta no conceito de outros ou o melhor estilo de desfilar para quem gosta do assunto. Mas se era ela quem melhor representaria nosso país nesse momento em que personalidade, ideias e postura são parte dos atributos que queremos que reparem primeiro antes de ouvirmos assobios por aí, por que não fazer valer o mesmo no concurso?! Antes tarde do que nunca…

57 Comentários
Comentários

  1. Lara • 21 de agosto de 2017 • 18:00

    ARRASOU Karol, muita gente precisando ouvir isso. Monalysa é um mulherão e tanto. Sou piauiense com muito orgulho 😍😍😍

  2. Adriele Moreira • 21 de agosto de 2017 • 18:00

    Brilhante, Karol. Em meio a tanta luta, tanto progresso, ainda existem momentos que da vontade de sentar no cantinho do quarto e chorar com tanta ignorância humana. Ainda sonho pelo dia que nós, mulheres, e qualquer outro ser humano do planeta, possamos ser vistos pelo que somos e que representamos. Nada mais. Um sorriso bonito encanta e não faz mal a ninguém, mas é tão triste ver que isso importa mais que tantos outros atributos. Obrigada, Karol! Por ser uma das poucas influenciadoras (e de beleza também!) que consegue passar ideias e conceitos tão importantes para tantas meninas e mulheres em formação.

  3. • 21 de agosto de 2017 • 18:01

    AMEI, Karol! Não deixe nunca de escrever nesse blog, seus textos são muito especiais! :)

  4. Ana Paula • 21 de agosto de 2017 • 18:03

    Não vi o concurso e não achei a Lysa a ~mais bonita~, mas se aconteceu realmente como você falou, ainda bem que ela foi a vencedora, realmente são novos tempos e seria ótimo que isso repercutisse até na escolha das misses. :)

  5. Maria Eduarda • 21 de agosto de 2017 • 18:05

    Karol você é incrível! Que texto maravilhoso, é bom saber que tem mais pessoas que pensam assim hoje em dia. Seus textos são sempre ótimos amo de mais ❤️ Um beijooo

  6. Fernanda • 21 de agosto de 2017 • 18:07

    Definiu tudo Karol! *-* (palmas)

  7. Paloma Calvo • 21 de agosto de 2017 • 18:07

    Uhuuuuul Karol sua linda ! Como sempre com textos que nos tocam ,jamais pare com isso mocinha 💕

  8. Thais moura • 21 de agosto de 2017 • 18:11

    Mais um show de escrita, de sentimentos e uma fortíssima opinião, dificil de se ver por aí ! Parabens karol !!! Post SENSACIONAL !!!! Orgulho de seguir vc ! ❤

  9. Gustavo Corrêa • 21 de agosto de 2017 • 18:12

    Karol, sempre maravilhosa, e muito madura para se expressar, concordo plenamente com todas as palavras escritas por você neste post. Te amo imensamente Karol❤️

  10. Stefanny • 21 de agosto de 2017 • 18:13

    Kaa, meu Deus, vc me surpreendeu mais que nunca. Tudo o que você falou é a mais pura verdade, infelizmente muita gente aq no país ainda tem um pensamento racista, mas espero que com o passar dos anos o Brasil possa melhorar

  11. Gisele • 21 de agosto de 2017 • 18:21

    Só li verdades. Difícil acreditar

  12. Tainá Aguiar • 21 de agosto de 2017 • 18:23

    Arrasou, Karol! Eu também assisti ao Miss e fiquei encantada com toda precisão e empoderamento que a Lysa (amei o apelido!) respondeu aquilo que lhe foi questionado (a única, inclusive). É muito importante falar que beleza não é só aquilo que estamos vendo de fora, e você como uma influenciadora de beleza, tratar disso de forma tão sincera e aberta é simplesmente incrível, parabéns, é por essas e outras que eu continuo te acompanhando e te admirando! E sobre os comentários racistas: é uma pena, também li muitas coisas e fico passada, afinal, a que ponto os seres humanos chegaram para conseguirem falar coisas tão absurdas e sem piedade, só desejo muita paz e muito amor!

  13. Amanda • 21 de agosto de 2017 • 18:23

    Assisti o concurso e com certeza ela mareceu!
    Todas as respostas mecânicas é obviamente decoradas.
    Amei o texto! Parabéns!

  14. Karine Fonseca • 21 de agosto de 2017 • 18:31

    Dá um quentinho na alma ler um texto desse Karol, beleza tem q ser um conjunto de coisas e ver em um concurso como o Miss Brasil isso acontecer trás esperança. Não sei se vc tem acompanhado mas recentemente o Sr. Silvio Santos fez comentários extremamente desrespeitosos a respeito da Fernanda Lima e ela respondeu dizendo pq ele não se calava e ele continuou tecendo os msm comentários vexatórios. Hoje a Fernanda compartilhou um texto da Milly Lacombe sobre o quão importante seria se o grande Silvio Santos utilizasse toda sua brilhante capacidade de comunicação para combater preconceitos e o machismo e não o contrário. E por incrível q possa parecer várias pessoas incluindo uma das filhas do Silvio comentaram no compartilhamento q ela estava querendo aparecer. Enfim, só falei sobre isso pq são situações q sr assemelham, as pessoas se vêem no direito de denegrir, insultar e odiar outra pessoa tão gratuitamente e têm a cara de pau de depois vir dizer q não é pessol. Bom, precisamos falar sobre isso, sempre, não podemos nos calar, precisamos nos importar! Bjo Karol ;)

  15. Kelly Loose • 21 de agosto de 2017 • 18:42

    Arrasou Karol! Falou tudo!, mas assim, você não acha superficial esse concurso?? Confesso q não tenho opinião formada sobre, fico em cima do muro, mas o fato de todas terem o mesmo corpo, magrelas e tal, me faz pensar q sim! Gostaria de saber sua opinião tbm! Bjs e amei o artigo!

  16. Isabella • 21 de agosto de 2017 • 18:54

    MUITO TRISTE QUE AINDA HJ O PESSOAL SEJA TÃO FECHADO NOS SEUS PRECONCEITOS , E FIQUEM USANDO A INTERNET PRA INSULTAR ALGUÉM QUE NÃO FEZ NADA CONTRA NINGUÉM, MAS SÓ PQ É NORDESTINA, NEGRA E CSCHEADA. INFELIZMENTE ESSA MOÇA TÃO BONITA E INTELIGENTE QUE TÃO BEM REPRESENTA O BRASIL ,POIS OS SEUS TRAÇOS SÃO MUITO BRASILEIROS, A MAIORIA DAS BRADILEIRAS TEM OS CABELOS CACHEADOS , É NEGRA OU PARDA , E AINDA ASSIM FICA SENDO VITIMADA DE PRECONCEITOS , ENFIM KAROL PARABÉNS PELO TEXTO É MUITO BOM TER PESSOAS QUE USEM O SEU PRESTÍGIO PARA FALAR DESSAS COISAS IMPORTANTES. E Como piauiense é brasileira tô muito orgulhosa de ser representada pela Monalysa , e também vi muitas pessoas manifestando seu apoio a ela , o que mostra que felizmente não é a maioria que é preconceituosa .

  17. Maria Aparecida • 21 de agosto de 2017 • 18:54

    Tem muita gente que precisa falar e falar sobre o utro so que as pessoas não sabem que coisas doem de ser ouvidas parabéns karol pelo texto muito bonita as suas palavrad

  18. Maria Aparecida • 21 de agosto de 2017 • 18:56

    Tem muita gente que precisa falar e falar sobre o utro so que as pessoas não sabem que coisas doem de ser oudas parabéns karol pelo texto muito bonita as suas palavrad

  19. Janine Monteiro • 21 de agosto de 2017 • 18:57

    Karol vou dizer pra sempre, você é a melhor, não tem medo de pisar em ovos ao falar, expressa sua opinião como ninguém, fico tão feliz em existir influenciadores assim. Pensei exatamente a mesma coisa!

  20. Luiza Mantovani • 21 de agosto de 2017 • 19:08

    Karol, primeira vez que venho no seu blog e já dou de cara com esse texto maravilhoso! Fico tão feliz em ver pessoas como você, que têm um público grande e que são influências diretas, com um pensamento super pra frente e não se acomodando com os padrões que a sociedade – infelizmente – ainda impõe. Muito obrigada! Aos poucos a gente tá mudando esse quadro e pessoas como Monalysa, como você, como Maqui, como tantas outras mulheres, nos inspiram e alimentam a vontade de continuar nessa luta.
    Tanta beleza interna, tanta beleza externa, tantos tipos e conceitos diferentes de beleza, tantas imposições, tanta pressão, tantas amarras, tantos “modelos”… é tudo tão “tanto” né? Só o que ainda não é existe é tanta liberdade.

  21. Carolina • 21 de agosto de 2017 • 19:20

    Difícil acreditar que certas coisas ainda acontecem… Parabéns pelo texto Karol! Acho que vc conseguiu explicar o que eu estava pensando por aqui. Um super beijo!

  22. Rafaela Salazar • 21 de agosto de 2017 • 19:38

    Ai Karol você é tão maravilhosa. Com seus textos sinto meus sentimentos sendo expostos, sendo falados (ou escritos no caso). Confesso que parei por um tempo de acompanhar tão assiduamente os concursos pois houve uma época em que se tinha um padrão muito rígido a se seguir e as candidatas ficavam parecendo praticamente todas as mesmas. E isso foi me decepcionando muito. Mas do último ou penúltimo ano pra ca sinto que as coisas tem mudado um pouco. Talvez pela “descoberta” das pessoas para as mulheres negras e a valorização de seus cachos (o que deveria ser algo totalmente comum ainda mais no Brasil aonde somos um país totalmente miscigenado). Mas estou muito feliz e orgulhosa pelos jurados e por nos mesmos estarmos vendo além da beleza estereotipada pela sociedade como a perfeita desde muito tempo. Ela arrasou demais e é muito triste ver certos comentários e perceber que o preconceito- apesar de estar melhorando- ainda ser algo tao presente no mundo. Amei o texto você e fod*!!!! 💜

  23. Ranô Reginaldo • 21 de agosto de 2017 • 19:50

    Ela é muito linda e muito girl Power mesmo, e com certeza soube representar o Brasil, as pessoas estão acostumadas só a com as belezas européias, quando se tem muita melanina e o brilho tropical que só as mulheres brasileira tem . Monalysa pisa menos km amei

  24. Ana Flavia Zoli Buzzo • 21 de agosto de 2017 • 19:53

    Ai Karol que o coração chega a ficar quentinho quentinho nessa noite fria lendo suas palavras! <3
    Hoje mais cedo lendo o livro "Moda com Pro´pósito" do André Carvalhal (o qual recomendo muuuuito se vc ainda não leu!! :) ) ele fala algo que podemos muito bem colocar no quesito beleza e que vc tão bem colocou aqui: devido ao capitalismo louco sem freio em que vivemos, estamos num momento (ainda bem!) de mudanças, o comprar comprar comprar, parecer que se é, ter ter ter nos fez esquecer do essencial, do que tá aqui dentro, do que realmente somos, o que realmente queremos…o que, realmente, importa, O SER!
    Tá aí a mudança que está acontecendo na moda pra nos provar isso…e tá aí…um concurso nacional de beleza (que sim, ainda tem muuuuito o que mudar!) mudando o conceito do que é se TER e SER bela. Antes tarde do que nunca!!!!!!! <3 <3 <3
    (E nem citar o quesito representatividade, né???? Que coisa mais linda ver isso mudando!!! É amor demais!)

  25. Carol • 21 de agosto de 2017 • 20:28

    Karol, já devo ter comentado isso algumas vezes em vídeos seus, agora lá vou eu novamente: OBRIGADA! De coração. Sou piauiense e geralmente escutamos coisas muito desagradáveis a nosso respeito… Obrigada por traduzir em palavras um pouquinho do que se passa no meu coração. Monalysa mereceu o título e representa a concretização do momento que vivemos e do sonho de muitas garotas. É orgulho!

  26. Lorena melo • 21 de agosto de 2017 • 20:29

    karol,ate agr o q vi sobre nossa miss,que inclusive é do meu estado, foi so criticas negativas,palavras de racismo e desrespeito…quero lhe parabenizar pela sinceridade e tbm por vc ter uma ótima visão do que é o Miss ,do que é ser uma miss! Bjos

  27. Julia Pupp • 21 de agosto de 2017 • 20:57

    Aaah Ka! Como ler seus textos me enchem de orgulho e de amor, por ser fã de uma pessoa que mereça o meu fã clube (Karolmybelle), uma pessoa especial, alguém na qual me espelho…Seus textos me fazem refletir, ser alguém melhor a cada frase (não que eu n seja)… A pouco, fiz um texto sobre preconceito para um trabalho de escola, e confesso que coloquei todo sentimento de verdade nele, acho errado essa história de um ser melhor que o outro, do racismo, do machismo, do feminismo… muitos só conseguem olhar os defeitos dos outros e acabam não vendo os seus, ninguém é perfeito, acho que as pessoas deviam começar a guardar seus pensamentos negativos e ver as qualidades que o homem ou mulher tem, e dizer à essa pessoa, aposto que ela irá abrir um belo sorriso, o mundo seria bem melhor se funcionasse desse jeito, e a mídia não teria mais assuntos negativos para publicar e virar notícia por todo Brasil…

  28. Stella • 21 de agosto de 2017 • 21:17

    Parabéns por expor seu ótimo ponto de vista! Sou piauiense e não vi a Monalysa desfilar no Miss Piauí pois não foi transmitido. Fiquei sem fé nela..
    durante a fase de confinamento, começei a acompanhá-la e vi que estava se destacando, e mais uma vez fui assistir o miss Brasil (mesmo dizendo que não ia mais ver)..
    logo na 1a entrada dela, me surpreendi!! Pois ela arrasou!! E a cada etapa, cada resposta, me encantava mais!!! Como você disse, ela estava muito preparada, confiante e espontânea!!! Mereceu muito e estamos muito orgulhosos dela!!!

  29. Carol • 21 de agosto de 2017 • 23:44

    Eu gostei da escolha, mas se pudesse votar novamente na Raíssa Santana, ela nunca deixaria de ser nossa miss❤

  30. Lary Tupiniquim • 22 de agosto de 2017 • 00:41

    Li seu texto e e fiquei feliz, feliz por alguém pensar exatamente assim.
    Te conheci através do Miss 2016, apesar de estar lendo um texto, achei super simpática, fui pesquisar e apartir daí te acompanho. Ou seja, a essência de cada sempre estará presente aonde o indivíduo estiver, ser leal as suas convicções e não querer falar coisas bonitas só para agradar é tão fácil e ultimamente “difícil” para alguns que chega a ser triste. Quando vi a Lysa só conseguia enxergar que menina linda e transparente, sem buscar comparações e fiquei com medo de que outra menina com o discurso mecanicamente decorado ganhasse. E logo após vejo algumas pessoas questionando e penso, como pode? Enfim, espero que um dia olhem para trás e vejam que somos iguais perante aos olhos de Deus.

  31. Mel • 22 de agosto de 2017 • 01:40

    A cada dia que passa eu me dou mais conta de que a sociedade é uma coisinha cheia de hipocrisia, ne? Todos os dias eu vejo uma tonelada de textos, fotos e posts falando sobre aceitação, ser feliz consigo mesmo e levar uma vida sem julgar os outros. Mas aí, quando acontece algum evento de porte um pouco maior, parece que as pessoas resolvem ignorar o discurso e partem pra cima de pessoas que só estão ali fazendo a parte delas e sendo felizes. Quando terminei de ler esse texto foi impossível não lembrar daquele outro no qual você fala sobre a vida “perfeita” das redes sociais. As pessoas estão tão fissuradas com internet e likes que acabam esquecendo uma das coisas mais importantes: humanidade. Ao invés de viver cada um a sua vida, sem julgar os outros, sem apontar quem é mais bonito ou não, escolhem ser babacas. Afinal, é muito fácil ser babaca por detrás de uma tela, ne?
    Beleza é uma coisa relativa. O que é bonito pra mim, pode não ser bonito pra Karol ou pra Maqui. Mas isso não faz com que o que eu acho bonito perca a validade só por que alguém não concorda. As pessoas enxergam o mundo de formas diferentes e seria TÃO legal se cada um aprendesse isso e aceitace…

  32. Vanessa Carvalho • 22 de agosto de 2017 • 02:17

    Creio que sempre precisamos falar sobre… As coisas melhoram temos mais informações e aí do nada vemos milhares de comentários retrógrados e descabidos. Nunca gostei muito de miss exatamente pelo motivo que você falou, mas achei tão enriquecedor o discurso da Monalyssa que dormi com o coração até mais quentinho, para hoje ver o absurdo das coisas que eram ditas e escritas nas redes sociais. COMO PODE ISSO AINDA OCORRER TÃO ABERTAMENTE (não que eu ache que escondido isso possa ocorrer), e o pior as pessoas acham que é só opinião então pode

    Cresci numa família que racismo e intolerância nunca foi tabu até por que minha avó foi racista com minhas tias e mãe em questão de namorados e pessoas do convivi-o, então embora fossemos desbotadas sentimos como é difícil viver num país como o nosso e para mim era tão inerente que cor, credo, orientação sexual, gênero e forma (corpo) não tinha importância para mim isso não ocorria mais tanto, mas vemos que ocorre e creio que assim como minhas tias e mãe me ensinaram e ser como eu sou tenho o dever de fazer as pessoas próximas olharem outro como um ser humano independentemente de como ou qual ele seja. E que se discordamos de algo por pior que ele seja o minimo que temos que ter é respeito.

    Por isso, fiquei mega feliz com o post… Obrigada por me fazer pensar mais uma vez sobre o que podemos fazer para melhorar, pois acredito que se começarmos a abordar nos nossos círculos estas situações as coisas irão melhorar, mesmo que leve tempo.

    Beijinhos.

  33. Raquel Julião • 22 de agosto de 2017 • 04:04

    Karol, fico tanto ou ainda mais maravilhada com a sua escrita cada vez que leio um novo artigo! Parabéns! Eu sou portuguesa, ou seja não tenho conhecimento nem de metade dos que acontece no Brasil, como tal não sabia de tal ocorrido no concurso. Mas através do seu post, fui quase capaz de ver e sentir aquilo que você viu e sentiu! Obrigada, e fico à espera do lançamento do seu livro aqui em Portugal! E nunca deixe que
    ninguém te diga que você não pode mudar o mundo. Porque seria uma mentira…. Você pode…. Aliás a sua escrita pode…. 😘👏👏👏

  34. Marilia • 22 de agosto de 2017 • 07:16

    Caramba Karol concordo demais!! Eu tava torcendo pela Miss Rio Grande do Sul apesar de ser cearense, seguia ela nas redes sociais e achava um jeitinho muito meigo e de bem com a vida, MAAAAAAS realmente na hora das perguntas não teve outra! Só a Monalysa que respondeu na lata sem gaguejar nem titubear. Foi notavel que ela foi a unica firme.

  35. Bia • 22 de agosto de 2017 • 08:04

    Realmente tiveram muitos comentários maldosos com relação a monalysa, eu sou do Piaui mas sempre fui que vença a melhor, afinal de contas vai represnetar o país no final. Ficou muito Claro que ela foi a melhor da noite, isso não tem como contestar, mas uma pessoa que conheça bem o universo miss sabe que ela n era a melhor escolha, muitas coisas que a organização do miss universo quer ela não tem, começando pelo inglês, nunca vão eleger uma miss que não tenha inglês avançado, ela é muito jovem, eles procuram um rosto maduro, e é a cópia da miss EUA que é madura, tem inglês, a faixa de maior peso no miss universo, é cientista, engenheira nuclear…. enquanto a Lysa mal saiu do ensino médio. Ano passado a Raissa era muito melhor que a miss EUA ( tinham o mesmo biotipo também) e mesmo assim a miss EUA foi mais longe na competição. Tinham outras candidatas que apesar de na noite não terem ido bem como a Lysa seriam escolhas melhores não por simplesmente serem brancas mas pq seus erros eram mais fáceis de resolver do que fazer a mona aprender inglês em 2 meses que é o tempo que falta pro Miss Universo. Respeito muito a opinião de quem acha q ela era a melhor escolha mesmo e realmente foram muitos comentários horríveis sobre ela. Mas uma coisa que deve-se perceber é que a coroa de miss universo só vai voltar pro Brasil de novo quando souberem escolher mais do que simplesmente a melhor da noite e que pelo menos não argumentem que só pq a Lysa é negra tem mais “brasilidade. Não quero criticar ngm que gosta dela não, só mostrar que alguns que não concordaram com a Vitória dela não é pq são simplismente racista que é como estão sendo taxados. Paz ❤

  36. Suelen Miranda • 22 de agosto de 2017 • 08:52

    Simplesmente :3 amei :3 amei :3 amei :3
    É tão bom ver pessoas falando do de algo além da beleza, do visual das participantes…. Karol você é fodaaaaaaa <3 hahahahaha
    #QUEENKAROL <3

  37. Lilian de Freitas • 22 de agosto de 2017 • 14:43

    Karol sempre gosto de ver e ouvir suas opiniões, que geralmente nos representa (meros mortais desconhecidos rsrs), mas brincadeira a parte, infelizmente assuntos como esse ainda serão comentados, pois infelizmente lidamos ainda (depois de várias décadas) com preconceito e pessoas maldosas. Mas fico bem Feliz dela ter ganho não somente por beleza, aparência ou até mesmo por representar tantas de nós (eu e tantas outras meninas que nos sentíamos feias por ter esse tipo de cabelo por muito tempo, pois não haviam meninas no mundo da beleza e moda que nos representasse) cacheadas, mas pelo fato de ser uma pessoa inteligente, articulada e que simplesmente brilhou! Parabéns Karol pelo lindo texto! Bjs e sucesso sempre!

  38. talia cordeiro dos santos • 22 de agosto de 2017 • 16:59

    arrasou, muitoooo girl power 💪💪💪💪

  39. SUE ELLEN • 22 de agosto de 2017 • 17:30

    Bem legal ler sobre o que você viu na nova Miss Brasil Lysa, rs.

    Todas pessoas temos diferentes formas de enxergar as coisas, eu por exemplo nem sequer acompanhei o concurso, mas ao acordar no domingo de manhã e ver que uma NEGRA e CACHEADA ganhou, meu coração se encheu de alegria. Por que?
    Porque simplesmente ele me representa, eu consigo me ver nela, coisa que não tinha acontecido até o ano passado quando a Raissa ganhou. E ver que finalmente as coisas estão mudando e maravilhoso e me enche de esperança.
    Independente dela ser Negra e Cacheada tenho certeza que ela ganhou por que mereceu e esse mérito é dela, ninguem pode tirar.

  40. Carla Santos • 22 de agosto de 2017 • 23:07

    Você mais uma vez me enchendo de orgulho, pouco vi outras youtuber/blogueira comentar sobre o assunto.
    Mas acredito que seja algo realmente necessário. Minha família inteira é do Piauí e logo eu também sou de lá.
    Fiquei extremamente chocada com comentários maldosos com relação a sua cor e ao Estado a qual pertencia.
    Dá uma vergonha sabe, é triste ler essas coisas, estamos em 2017 e ainda precisamos lidar com esse tipo de coisa.

  41. Raphaela Christovão • 23 de agosto de 2017 • 12:57

    Representatividade!!!!

  42. Cinara • 24 de agosto de 2017 • 11:39

    Como foi bom ler essas palavras. É tão difícil saber que em pleno o século XXI existam pessoas que tenham pensamentos racistas e xenofóbicos, e que ainda disseminam o ódio escondidos por uma dela de computador. Criticaram tanto a nossa miss e esqueceram de olhar os próprios corações. A miss é negra, a miss é nordestina, a miss é piauiense, a miss é lindaaaa.

  43. Bianca Kethulen • 26 de agosto de 2017 • 16:47

    Você é incrível, não acompanhei o concurso, mas não faltaram esses tipos de comentários onde quer que eu chegasse. Nas redes sociais então…Nem se fala! Ler seu texto e saber que muitas pessoas também estão lendo, traz um certo alívio pro coração. Só de saber que essas palavras irão fazer as pessoas refletirem sobre os seus posicionamentos. Beijos, você é maravilhosa!

  44. Nanda • 26 de agosto de 2017 • 17:11

    O que vc escreve sempre me traz mtas reflexões.
    Obrigado por compartilhar com a gente esses textos maravilhosos.

    Segue uma dúvida q tenho desde q acabei de ler seu livro :
    Qdo sai o próximo? Terá um próximo?

  45. VANESSA BRUNT • 27 de agosto de 2017 • 08:14

    Como sempre, fazendo poesia em cada conjunção ao trazer reflexões repletas de intensas entrelinhas! Cada pontinho colocado é fundamental. Beleza interior não é clichê, é quebra do que foi endurecido e somente endurece mais muros e âmagos. Que essas reflexões se alastrem.

    http://www.semquases.com

  46. Juliana Fraga • 28 de agosto de 2017 • 10:07

    Apenas aplausos de pé. Seus textos são o que eu preciso ler quando não sei o que dizer, sabe? Tipo, eu não gosto de concursos de beleza, acho que ninguém merece uma nota pelo quanto é bonita (ou bonito) ou sabe “carregar” um traje de gala ou de praia. Já era hora de alguma coisa começar a mudar. Parabéns pelo texto Karol. Continue nos dando voz. Bjos.

  47. Agatha Teodoro • 29 de agosto de 2017 • 14:08

    Realmente ela arrasou Karol… beijos pra você sua linda!!!
    E sucesso sempre, adorei o assunto do blog. Parabéns .

    Meu blog: link:>>> http://okgoogle.net.br

  48. Akirehac • 30 de agosto de 2017 • 08:51

    is domperidone safe for my baby chinakari39-domperidone over the counter birth control pills walgreens

  49. Ana Katherine • 01 de setembro de 2017 • 11:07

    Karol, concordo super com você! E confesso que não estou vendo saída pra esse país porque parece que as pessoas simplesmente perderam a noção das coisas! É absurdo em todos os aspectos! Essas coisas me revoltam.
    Ka, posso pedir uma coisa? Volta a fazer testados aqui no blog, 3 fotos da semana e a trazer mais conteúdo por aqui para a gente. Acompanho TODOS os seus vídeos, mas sinto falta de ler seus posts e os da Maqui também! Beijão! Amo vocês <3